Os 2 Grandes Benefícios do E-mail Marketing

95

1. Reforçar o engage com cada tipo de clientes

A forma como interagimos com o cliente no mundo online é tão importante como o funcionário que colocamos na nossa loja física. Portanto, a comunicação com o nosso público-alvo tem que ser assegurada, de modo a cativá-lo, envolvê-lo e conduzi-lo à conversão desejada.
Porém, a grande vantagem do e-mail marketing é que permite comunicar de um modo diferenciado de acordo com o tipo de cliente. Assim, rentabilizamos custos, garantindo uma maior taxa de conversão.
Já pensaste em criar um fluxo automático de e-mails de acordo com o tipo de interação que uma lead tem contigo? Todos os clientes que se inserem nas características do nosso público-alvo são importantes. Mas não é novidade que há clientes que são mais importantes do que outros. E, dependendo da fase do ciclo de vida em que o negócio/marca se encontra, pode interessar um foco em clientes tipo A ou um foco em leads.
Hoje em dia, colocar o nome do cliente para quem se envia o e-mail ou newsletter já não é novidade. Todos o fazem. O valor desta ferramenta de marketing digital está em personalizar ao mais alto nível a comunicação, ter em atenção o número de vezes que o cliente contacta, o volume e frequência de compras, etc.

Exemplo:
Imagina que um cliente se registou na tua loja online e recebeu um e-mail de boas vindas, no qual escolhe a categoria de produtos em que tem mais interesse.
A partir desse momento, o cliente fica automaticamente inscrito numa base de dados segmentada por categoria de produto. Assim, quando enviares um e-mail ou newsletter que versa um determinada categoria de produto, garantes que o público que está realmente interessado, vai receber.

2. Aumentar as vendas

A comunicação de acordo com o segmento de clientes permite fazer ofertas adequadas aos gostos e experiências desse mesmo segmento. Aliás, o e-mail marketing permite-nos ir ainda mais longe, já que podemos comunicar os nossos produtos e serviços individualmente, através de uma estratégia de remarketing.
Ao oferecer produtos que realmente importam para um determinado cliente, aumentamos a probabilidade de o levar até à conversão.

Para exemplificar melhor, imagina esta situação:
Noutro dia, o mesmo cliente acede à tua loja online, adiciona ao carrinho um produto da sua categoria preferida. Mas, curiosamente, não chega a concluir a compra, abandonando o website.
Posteriormente, através de uma técnica de remarketing previamente definida, o cliente recebe um e-mail da tua empresa a dizer: “Olá, João! Reparamos que não concluiu a sua última compra. Precisa de ajuda na escolha ou procura outros modelos? Veja aqui os produtos relacionados que selecionamos para si.”.

 

Queres saber mais sobre marketing digital?

Comentários estão fechados.